Novos moradores na casa! Saiba como acostumar o cachorro com o novo filhote

post10

Trazer um novo cãozinho para casa é sempre motivo de animação para os novos pais. Mas esta ação também pode ser fonte de ansiedade, especialmente se já existe um outro animal adulto no ambiente. O medo de brigas, disputas territoriais ou por comida, entre outros, faz com que muitas pessoas pensem duas vezes antes de adotar um outro cachorro. Para evitar este tipo de situação na residência, criamos este post mostrando como você pode ajudar a acostumar o cachorro com o novo filhote. Continue lendo!

O que é comportamento natural da espécie?

Cachorros são animais sociais e bastante sociáveis. Convivem de forma pacífica com gatos, humanos e até com outras espécies, como pássaros. Mas é importante lembrar que cachorros vivem naturalmente em matilhas, e em uma matilha a hierarquia é de extrema importância. Sendo assim, é natural que o cachorro já adulto queira mostrar a sua posição e força ao novo filhote. Veja quais comportamentos são considerados normais nesta nova dinâmica:

  • Latidos e rosnados: para estabelecer a hierarquia, é normal que hajam latidos e rosnados entre os cachorros. É assim que serão estabelecidos os limites, as disputados por brinquedos, carinho, etc.
  • Apatia em relação ao novo filhote: ignorar o novo filho é outra prática bastante comum. Isso serve para ensinar ao recém-chegado que o adulto dominante não está sempre à disposição para brincar e que seus desejos devem ser respeitados.
  • Mordidas leves no focinho: pressionar os dentes sobre o focinho do filhote é outro comportamento comum para estabelecer a dominância. Pode parecer agressivo, mas a intenção aqui não é machucar.
  • Disputa pela comida: o novo filhote pode não estar acostumado com a noção de não poder comer uma comida que está “disponível”, avançando no pote de ração do adulto. É normal que este, por sua vez, queira defender seu alimento, latindo ou mordendo.

Apesar desses comportamentos parecerem agressivos, é importante que o dono dos animais não interfira neste processo. Isso pode gerar a necessidade de reações maiores no animal adulto para conseguir estabelecer os limites. Apenas interfira se realmente for necessário.

5 dicas para acostumar o cachorro com o novo filhote

Existem algumas ações que você pode fazer para uma boa apresentação entre o animal adulto e o novo filhote, ou facilitar a sua convivência:

  1. Introduza um pano com o cheiro do novo filhote embaixo do pote de ração do adulto. Isso fará com que seja feita uma associação positiva com o cheiro e não haverá tanto estranhamento quando o animal for trazido ao ambiente de convivência.
  2. No momento de apresentar os animais, uma opção é deixar cada cão em um ambiente separado por uma porta. Assim, poderão se acostumar com os cheiros um do outro sem o contato visual. Uma vez calmos, abra a porta lentamente e deixe que continuem se familiarizando.
  3. Sempre cumprimente o animal adulto antes. Ele é o dominante da matilha canina e deve ser respeitado por isso. Esta regra também vale para a hora de servir o alimento.
  4. Não interfira em brigas ou brincadeira a não ser que seja absolutamente necessário. É essencial que os animais aprendam a conviver. Além disso, não é bom criar uma preferência pelo novo filhote, pois o adulto se sentirá ameaçado.
  5. Tenha um momento a sós com o cão adulto. Leve-o para passear, brinque só com ele, especialmente na frente do novo filhote, e mostre que o seu sentimento não mudou. Assim você neutralizará o ciúme.

Então, aprendeu como acostumar o cachorro ao novo filhote? Esperamos que estas dicas ajudem!

Ficou com alguma dúvida? Deixe sua pergunta nos comentários.

Posted by
Pettz

3 Comentario

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *